5 razões para os que confundem o Espírito Santo com o Anjo Grabriel

Posted: 7 de Dezembro de 2010 by mundomaranatha in Espirito Santo
5 Questões para os que confundem o Espírito Santo com o Anjo Gabriel. Deixo aqui minha contribuição para entendermos com clareza que o Espírito Santo não é e nunca foi anjo. Quem pretendeu ser como Deus hoje não mais seu lugar se achou no céu. Essas cinco questões é uma resposta a alguns movimentos que usam textos fora de seu contexto para tentar provar mentiras e conjecturas humanas.

1º- 0 texto (Marcos 3:29 e Lucas 12:10) faz entender que o Espírito Santo (referido) é maior, BEM MAIOR que o Filho do homem (que é Jesus), “…pois enquanto blasfemar contra o FILHO é perdoado, não haverá perdão para quem blasfemar contra o Espírito Santo, porque constitui pecado eterno”. Como o texto bíblico, em questão, omite qualquer consideração à pessoa do Pai, entendemos que o anjo não poderia ser maior que o Filho e o Pai! Como então pode ser ele (Anjo ) o Espírito Santo?

2º- O anjo Gabriel apareceu a Maria com a mensagem de que “conceberás e darás à luz um filho, e por-lhe-ás o nome de Jesus. Este será grande, e será chamado Filho do Altíssimo…”. Lucas 1:31,32. Se o anjo Gabriel é o Espírito Santo, como pode ser ele (anjo) chamado de “Altíssimo”, ou de “Deus” (Fim do verso 35)? Já que Jesus foi concebido pelo Espírito Santo? Estar representando o Altíssimo ou o Seu poder é diferente de ser chamado de Altíssimo ou de Deus. Um Anjo nunca poderá carregar essas credenciais. Aquele que tentou assim fazer, o seu lugar não mais se achou no céu. Apocalipse 12:8.

3º- “…Disse Maria ao anjo: Como se fará isto, visto que não tenho relação com homem algum? (ela era uma virgem). Respondeu-lhe o anjo (Gabriel): Descerá sobre ti o Espírito Santo, e o poder do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra. Por isso o ente santo que de ti há de nascer, será chamado Filho de Deus” (Lucas 1:32-35). Como ser Ele (anjo Gabriel) o Espírito Santo se Ele próprio faz esta distinção? ““… Descerá sobre ti o “““…”, “O bebe que ela terá é do…”.Mateus 1:20. Se o Anjo Gabriel fosse o Espírito Santo, Ele diria “ Eu descerei sobre ti” (Grifos meus).

4º- Texto mal interpretado: DTN – 779,780 “E eis que houvera um grande terremoto, porque um anjo do Senhor, descendo do Céu, chegou”. Vestido com a armadura de Deus, deixou este anjo as cortes celestiais. (Grifo A) Os brilhantes raios da Glória Divina o precediam, iluminando-lhe o caminho. (Grifo B) “ E o seu aspecto era como um relâmpago , e o seu vestido branco como a neve…..” O rosto que contemplam não é de um guerreiro mortal; é a face do mais poderoso das hostes do Senhor. Este mensageiro é o que ocupa a posição da qual caiu satanás…Os soldados o vêem removendo a pedra como se fora um seixo, e ouvem-no exclamar : filho de Deus, ressurge! Teu Pai Te chama”.

Entendendo o texto: Grifo A)- “Os brilhantes raios da Glória Divina o precediam, iluminando-lhe o caminho…” Algo ou alguém precedia o anjo Gabriel. (Segundo o Dicionário Aurélio, Preceder = ir, vir, estar adiante de; anteceder; chegar antes; ocorrer antes). O que, ou quem era essa Glória Divina que precedia o Anjo Gabriel? Veja abaixo. “E, se o Espírito daquele que dos mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dos mortos ressuscitou a Cristo também vivificará o vosso corpo mortal, pelo seu Espírito que em vós habita”. Rom. 8:11. I Pedro 3:18 – “Porque também Cristo padeceu uma vez pelos pecados, o justo pelos injustos, para levar-nos a Deus; mortificado, na verdade, na carne, mas vivificado pelo Espírito”. Os textos acima são claros. Quem ressuscitou a Jesus? O Espírito Santo. Nestes textos porque não poderia o Anjo Gabriel ser o Espírito Santo? Veja o texto abaixo: Atos 2:32 – “Deus ressuscitou a este Jesus, do qual todos nós somos testemunhas”. Á luz destes três versos, o Espírito que vivificou Jesus é Deus. Portanto o anjo não pode ser o Espírito Santo, pois um anjo não poderia ser chamado de Deus. (grifos meus).

Grifo B) “ E o seu aspecto era como um relâmpago , e o seu vestido branco como a neve….. O rosto que contemplam não é de um guerreiro mortal; é a face do mais poderoso das hostes do Senhor. Este mensageiro é o que ocupa a posição da qual caiu satanás… Os soldados o vêem removendo a pedra como se fora um seixo, e ouvem-no exclamar : filho de Deus, ressurge! Teu Pai Te chama”. Sem dúvidas aqui a referência se dá ao Anjo Gabriel.

Então como entender a aparente contradição? Se a bíblia afirma que Deus é quem ressuscitou a Jesus. Como pode Ellen White dizer que o anjo é quem O ressuscitara? A resposta é simples. Exemplo: Você começa um estudo bíblico de 20 lições com alguém. No primeiro estudo nota-se que a pessoa não se agradou muito, e até percebe-se o interesse de não mais continuar com os próximos estudos. Mas como que de forma inexplicável, a pessoa ainda permanece estudando. Segunda lição…. Terceira lição…. Décima…. De repente o desinteresse começa a se tornar até mesmo obsessão em cada vez mais querer aprender. Com o passar dos estudos, não somente o interesse aumenta, como também sua vida começa a se tornar outra. Abandona o cigarro, as bebidas, deixa de viver em poligamia, passa a se dedicar mais aos filhos, etc. E como o esperado, vem o dia da decisão; Batismo. A pergunta que faço é: O que, ou quem fez com que este homem se interessasse tanto pela verdade? O que, ou quem fez com que ele tivesse uma mudança tão grande ao ponto de abandonar os vícios e a indiferença para com os filhos? Aos olhos do orgulho humano, diríamos que foram as qualidades, habilidades, conhecimentos, prática, etc, daquele que levou a mensagem. Mas a resposta não é essa. Quem em realidade ensinou (João 14:26), convenceu (João 16:7,8), Guiou (Gal. 5:18; Rom. 8:14), Intercedeu (Atos 8:26), e mudou (João 3:6; Tito, 3:5) a vida do homem da história, foi o Espírito Santo, que ainda continuará a realizar a obra da santificação (Rom. 15:16; I Cor. 6:11; I Pedro 1:2). O instrumento foi o homem, Quem apareceu constantemente foi o homem, quem foi visto entrar e sair, dia após dia da casa do novo converso foi o homem, mas quem levou o estudante da verdade a reconhecer que precisava de seu amorável Salvador, foi o Espírito Santo. Portanto não houve contradição no Espírito de Profecia. O instrumento usado para ressuscitar a Jesus foi o anjo Gabriel (descrito como o mensageiro de Deus – DTN, Pg. 779), mas quem realmente realizou a ressurreição foi o Espírito Santo, a glória divina que o precedia.

5º- Pode o anjo Gabriel perscrutar os segredos de Deus, uma vez que o Espírito Santo penetra todas as coisas, ainda as profundezas de Deus? I Cor. 2:10. Seria lógico pensar que sim se o anjo ou os anjos fossem o Espírito Santo. O anjo Gabriel foi quem substituiu Lúcifer em sua função (DTN, Pg.779). Se o anjo Gabriel conhece as profundezas de Deus, porque então, satanás, na mesma função de Gabriel, quando era o mais exaltado dos anjos no céu não podia conhecer as profundezas de Deus?

“Cristo tinha sido introduzido no especial conselho de Deus na consideração de Seus planos, enquanto Lúcifer não participara deles. Ele não compreendia, nem lhe fora permitido conhecer, os propósitos de Deus”.HR, Pg. 14.

“Houve controvérsia entre os anjos. Lúcifer e seus simpatizantes porfiavam por reformar o governo de Deus. Estavam descontentes e infelizes porque não podiam perscrutar Sua insondável sabedoria e averiguar o Seu propósito em exaltar Seu filho e dota-lo com tal ilimitado poder e comando. Rebelaram-se contra a autoridade do filho”. HR, Pg. 15.

Só temos ai uma resposta. Gabriel ou quem seja, não pode ser o Espírito Santo. Anjo nenhum pode conhecer os segredos de Deus, a não ser alguém que seja Divino como o Pai e o Filho.

“Precisamos reconhecer que o Espírito Santo, que é tanto uma pessoa como o próprio Deus, está andando por estes terrenos. O Espírito Santo é uma pessoa, pois dá testemunho com o nosso espírito de que somos filhos de Deus. Uma vez dado este testemunho, traz consigo mesmo sua própria evidência. Em tais ocasiões acreditamos e estamos certos de que somos filhos de Deus…. O Espírito Santo tem personalidade, do contrário não poderia testificar ao nosso espírito e com o nosso espírito que somos filhos de Deus. Deve ser também uma pessoa divina, do contrário não poderia perscrutar os segredos que jazem ocultos na mente de Deus. ‘Por que, qual dos homens sabe as coisas do homem, se não o espírito do homem, que nele está? Assim também ninguém sabe as coisas de Deus, se não o Espírito de Deus.’ O princípio da potestade do mal só pode ser mantido em sujeição pelo poder de Deus na terceira pessoa da Trindade, o Espírito Santo.”* Cumpre-nos cooperar com os três poderes mais altos no Céu- o Pai, o Filho e o Espírito Santo – e esses poderes operarão por meio de nós, fazendo-nos coobreiros de Deus” (Evangelismo, 616, 617. ).

*(A palavra Trindade não foi usada por Ellen White, mas sim divindade = Godhead).

Poderiam tais declarações ser mais claras acerca da personalidade e divindade do Espírito Santo do que as de acima? Não é de fato curioso que muitos dos que rejeitam estas verdades dizem acreditar ao mesmo tempo no ministério de Ellen White como a mensageira de Deus para a Igreja de Deus nos últimos tempos? Não são semelhantes posturas contraditórias e confusas? Não podemos nos desviar daquilo que Deus nos revelou em sua palavra. Ellen White não tinha dúvidas, mas além das considerações citadas acima no livro evangelismo, para não criar idéias pré-concebidas, ela por inspiração nos deixou algo escrito que devemos levar muito em consideração a esse respeito:

“Não é essencial que sejamos capazes de definir exatamente o que seja o Espírito Santo….A natureza do Espírito Santo é um mistério. Os homens não a podem explicar, porque o Senhor não lho revelou. Com fantasiosos pontos de vista, podem-se reunir passagens da escritura e dar-lhes um significado humano; mas a aceitação desses pontos de vista não fortalecerá a igreja. Com relação a tais mistérios, demasiado profundos para o entendimento humano, o silêncio é ouro.” AA, 51,52. Declarações como esta não podem ser ignoradas. Mesmo assim há os que acreditam ter recebido sabedoria e iluminação especial para desvendar mistérios como este. Mas a pena inspirada é clara:

“ A natureza do Espírito Santo é um mistério”…”Deus não lho revelou”. Se Deus não lho revelou porque surgem tantos dizendo o contrário? É suicídio dizer sim quando Deus diz não. Para ser mais contundente veja esta declaração abaixo: “Algumas passagens da Escritura nunca serão perfeitamente compreendidas até que, na vida futura, Cristo as explique. Há mistérios a serem elucidados, declarações que a mente humana não pode harmonizar.” – Obreiros Evangélicos, pág. 312.

Lúcifer se tornou satanás porque confiava mais em sua própria sabedoria do que na palavra de Deus. E com sua insistência de ter luz especial, acabou dividindo o céu. Muitos hoje estão no mesmo rumo confiando em sua própria sabedoria do que na palavra de Deus, e com isso criando conflitos e divisões. Para encerrar nada melhor do que uma mensagem vinda do céu com o objetivo de nos confortar e nos dar certeza que Deus está no controle de toda a situação. “Não há necessidade de duvidar, de temer que a obra não tenha êxito. Deus está à frente da obra, e Ele porá tudo em ordem. Se, na direção da obra, houver coisas que careçam de ajustamento, Deus disso cuidará para corrigir todo erro. Tenhamos fé em que Deus há de pilotar seguramente ao porto a nobre nau que conduz o povo de Deus”. RH, 20 de setembro 1892.

Até o mais acirrado traidor da causa pode encontrar nesses textos conforto e confiança. Deus está à frente da causa e não permitirá que sua embaixada aqui na terra, sua nobre nau venha a afundar-se nas trevas dos mares espirituais desse mundo.

Por Gilberto Theiss

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s